Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

29 de outubro de 2020

Grupos Artísticos se apresentam em live reunindo mais de 80 músicos e bailarinos

 | Jornal Acontece

 

Participaram a Banda Sinfônica, Cia de Dança e Grupo Rinascita de Música Antiga

 

Desta vez, o palco foi virtual. Mas nem isso tirou o brilho do belo trabalho feito pelos Grupos Artísticos de Cubatão. Na noite desta quinta-feira (29), a Banda Sinfônica, Cia de Dança e Grupo Rinascita apresentaram em uma live na página oficial dos Grupos, apresentações inéditas. A transmissão reuniu centenas de fãs da cidade e de outros municípios da Baixada. A live ficou gravada na página e pode ser acompanhada em www.facebook.com/gruposartisticoscubatao .

Os regentes e diretores artísticos apresentaram as performances explicando a dinâmica. Com regência do maestro Marcos Sadao Shirakawa, a Sinfônica de Cubatão passeou pelo mundo dos animes, videogames e desenhos de ação como Donkey Kong, Zelda, Pokemon, Street Fighter, entre outros, com arranjos exclusivos do compositor João Victor Bota.

Para a Sinfônica, a apresentação teve motivo especial, pois marca o breve retorno do grupo dentro das comemorações do jubileu de ouro. São 50 anos de uma história que acompanha a própria cidade de Cubatão. Durante todo o esse tempo, a Sinfônica construiu uma identidade. Comemoramos não apenas a existência da equipe, mas a arte e a resistência de quem faz a Cultura da cidade acontecer há tanto tempo, disse o maestro Sadao.

A Cia de Dança de Cubatão, sob direção artística de Flavia Sá e Vanessa Toledo, e coreografias de Claudionor Alves e Zeca Rodrigues, trouxe o jovem e premiado elenco misturando estilos como a dança contemporânea, jazz, estilo livre em canções pop como Rain on me, de Lady Gaga & Ariana Grande; Fancy, de Iggy Azalea; Timber de Pitbull, em um formato divertido do  jogo JUST DANCE, somando 6 montagens.

Já o Grupo Rinascita de Música Antiga fez uma viagem musical pelos séculos XIII a XIV dentro da apresentação intitulada Música da Taverna. Sob direção artística de André Farias, com figurinos e instrumentos de época, os artistas levaram o público a um passeio pelos salões de bailes e tavernas europeias ao som do alaúde, guitarra barroca, sacabuche, gaita, percussão renascentista, violoncelo e famílias de flautas de madeira.

Pelo menos 85 músicos e bailarinos integraram as apresentações, gravadas com antecedência, com repertório temático. A ideia era mesmo estrear a apresentação, como em um espetáculo presencial. Dessa forma, nos enquadramos nesse novo normal sem perder qualidade e nossa audiência, comentou Éder Crispim, presidente da Associação de Músicos da Banda Sinfônica de Cubatão, realizadora do projeto Música e Cia II. Em novembro, as três equipes artísticas preparam outra surpresa que será transmitida ao vivo no fim de novembro.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

29 de outubro de 2020

Vacina AstraZeneca da FioCruz/Oxford chega em Cubatão

Leia mais

29 de outubro de 2020

Cubatão chega a 9 dias sem óbitos por Covid-19

Leia mais

29 de outubro de 2020

Podemos quer barrar fim da gratuidade para idosos de 60 a 64 anos no transporte público de Guarujá

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC