Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

26 de outubro de 2020

‘Mães da Casa’ vão ao Ministério Público por reabertura

 | Jornal Acontece

Desde o início da pandemia, a Casa da Esperança de Cubatão está fechada, impactando famílias de cerca de 500 crianças e adolescentes com necessidades especiais, assistidos pela entidade. Esta semana um grupo de mães denominado ‘Mães da Casa’, protocolou denúncia ao Conselho Tutelar e, documento com o mesmo teor será entregue ao Ministério Público, na próxima semana.  Na peça, é exposta a gravidade da situação, solicitando medidas que viabilizem a urgente reabertura da Casa. Segundo as mães, outras casas já voltaram ao atendimento, mesmo com redução e seguindo os protocolos de higienização, por causa do coronavírus: mas em ‘Cubatão, nem sinal de reabertura’, reclamam.

Dúvidas
Ao Acontece, a principal cobrança das mães é para que haja mais clareza com relação à possibilidade e prazos para reabertura. Outra preocupação é com respeito a melhora da infraestrutura e contratação de equipe suficiente para atender a demanda. Além das cerca de 500 crianças atendidas (300 diariamente) já havia uma lista de espera por atendimento.
Coisa antiga
Os problemas não são de hoje e se arrastam desde 2013 até que, em 2017, sob intervenção do Rotary Cubatão e em parceria com a Prefeitura, a Casa foi reaberta, mas continuou sofrendo percalços por causa de pendências trabalhistas, entre outras, que inviabilizam as certidões, necessárias à celebração de convênios.

A Casa
Associação Casa da Esperança e Cidadania de Cubatão “Dr. Leão de Moura”, é uma associação filantrópica, civil, sem fins lucrativos, tendo como finalidade a habilitação e reabilitação funcional de pessoas com deficiência. Entre os serviços previstos estão: neuropediatria, ortopedia, pediatria, terapia ocupacional, fisioterapia, hidroterapia, fonoaudiologia, psicologia, odontologia, pedagogogia, serviço social, oficinas artesanais.

Resposta ao Acontece
Em nota da Prefeitura, o interventor judicial da Casa da Esperança, Hermes Balula, esclareceu que a Associação já está formulando um novo termo de fomento junto ao Município de Cubatão – em fase final de tramitação com possibilidade de assinatura em dez dias. De acordo com Balula a Casa, fechada desde o mês de março, devido a pandemia da Covid-19, está se preparando para retomar suas atividades com todos os protocolos de saúde exigidos para o enfrentamento ao novo coronavírus.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

26 de outubro de 2020

Vacina AstraZeneca da FioCruz/Oxford chega em Cubatão

Leia mais

26 de outubro de 2020

Cubatão chega a 9 dias sem óbitos por Covid-19

Leia mais

26 de outubro de 2020

Podemos quer barrar fim da gratuidade para idosos de 60 a 64 anos no transporte público de Guarujá

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC