Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

31 de agosto de 2020

Operação Delegada encerra seu primeiro ano com resultados positivos

 | Jornal Acontece

Fruto de um dos primeiros projetos promovidos pelo Cide, com apoio do Ciesp Cubatão, a Operação Delegada encerrou seu primeiro ano de atuação positiva, a favor da segurança pública em Cubatão.

Durante o período de atuação, o serviço gerou resultados satisfatórios. O aumento da sensação de segurança entre os munícipes e a queda considerável em atos criminais registrados na cidade foram destaques. Segundo a Polícia Militar de Cubatão, houve uma diminuição nos principais índices seguintes: 33,3% nos roubos de carga, 31,8% nos roubos de veículo, 15,4% em furtos variados e 80% em homicídios.

O convênio, firmado entre a Prefeitura Municipal e a Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo, tem o objetivo de melhorar a segurança no munícipio por meio da fiscalizações de suas vias públicas e combate ao comércio ilegal. As rondas são realizadas por policiais que desempenham suas funções em rotina extra de trabalho.

Além da circulação nos principais bairros da cidade, a atividade também é exercida nas principais ruas e avenidas de acesso ao Polo Industrial, como as Avenidas Bernardo Geisel Filho e Engenheiro Plínio de Queiroz, a Estrada Municipal Senhor René Fonseca e Rodovia Cônego Domênico Rangoni.

A Operação foi pioneira na capital do Estado, implantada em dezembro de 2009. Atualmente, está ativa em 60 cidades. Em Cubatão, o projeto conta com apoio de indústrias do Condomínio Industrial no fornecimento de nove veículos locados, com manutenção e combustível. A parceria foi firmada por meio de um termo de cooperação técnica com o poder público local. Participam da Operação no município: Birla Carbon, Braskem, Cesari, Unigel, CMOC, Petrocoque, Rhodia Solvay, Unipar, Usiminas e Yara.

Para o secretário municipal de Segurança Pública e Cidadania, Wanderley Mange, a Operação Delegada reforça o trabalho de segurança na cidade, por meio da prevenção e combate efetivo, principalmente pelo fato do município ainda não contar com guarda municipal. “A iniciativa, provida da parceria entre Prefeitura, Polícia Militar, Cide e Ciesp Cubatão, contribuiu neste primeiro ano para um marco importante na redução dos índices de criminalidade no município. A ideia é ampliar o efetivo de policiais da Operação em 2021”.

“A Operação se tornou muito favorável em situações recorrentes como abordagem a atividades suspeitas, atendimento a emergências, furtos e roubos, principalmente os de carga nas rodovias, pelo fato de o patrulhamento ter sido estendido para a vias de acesso ao Polo. É um recurso altamente positivo para a cidade”, comenta o comandante da 4ª Companhia da Polícia Militar – 21BPMI, capitão PM Elizardo Matos Lyrio.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

31 de agosto de 2020

Fundação é destaque em Live “Saúde e Bem Estar” do Conexão Empresarial

Leia mais

31 de agosto de 2020

CEO da Unipar participa do Seminário Brasil-Japão

Leia mais

31 de agosto de 2020

Empresários podem se inscrever para receber agente de inovação no seu negócio

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC