Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

31 de agosto de 2020

Operação Delegada encerra seu primeiro ano com resultados positivos

 | Jornal Acontece

Fruto de um dos primeiros projetos promovidos pelo Cide, com apoio do Ciesp Cubatão, a Operação Delegada encerrou seu primeiro ano de atuação positiva, a favor da segurança pública em Cubatão.

Durante o período de atuação, o serviço gerou resultados satisfatórios. O aumento da sensação de segurança entre os munícipes e a queda considerável em atos criminais registrados na cidade foram destaques. Segundo a Polícia Militar de Cubatão, houve uma diminuição nos principais índices seguintes: 33,3% nos roubos de carga, 31,8% nos roubos de veículo, 15,4% em furtos variados e 80% em homicídios.

O convênio, firmado entre a Prefeitura Municipal e a Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo, tem o objetivo de melhorar a segurança no munícipio por meio da fiscalizações de suas vias públicas e combate ao comércio ilegal. As rondas são realizadas por policiais que desempenham suas funções em rotina extra de trabalho.

Além da circulação nos principais bairros da cidade, a atividade também é exercida nas principais ruas e avenidas de acesso ao Polo Industrial, como as Avenidas Bernardo Geisel Filho e Engenheiro Plínio de Queiroz, a Estrada Municipal Senhor René Fonseca e Rodovia Cônego Domênico Rangoni.

A Operação foi pioneira na capital do Estado, implantada em dezembro de 2009. Atualmente, está ativa em 60 cidades. Em Cubatão, o projeto conta com apoio de indústrias do Condomínio Industrial no fornecimento de nove veículos locados, com manutenção e combustível. A parceria foi firmada por meio de um termo de cooperação técnica com o poder público local. Participam da Operação no município: Birla Carbon, Braskem, Cesari, Unigel, CMOC, Petrocoque, Rhodia Solvay, Unipar, Usiminas e Yara.

Para o secretário municipal de Segurança Pública e Cidadania, Wanderley Mange, a Operação Delegada reforça o trabalho de segurança na cidade, por meio da prevenção e combate efetivo, principalmente pelo fato do município ainda não contar com guarda municipal. “A iniciativa, provida da parceria entre Prefeitura, Polícia Militar, Cide e Ciesp Cubatão, contribuiu neste primeiro ano para um marco importante na redução dos índices de criminalidade no município. A ideia é ampliar o efetivo de policiais da Operação em 2021”.

“A Operação se tornou muito favorável em situações recorrentes como abordagem a atividades suspeitas, atendimento a emergências, furtos e roubos, principalmente os de carga nas rodovias, pelo fato de o patrulhamento ter sido estendido para a vias de acesso ao Polo. É um recurso altamente positivo para a cidade”, comenta o comandante da 4ª Companhia da Polícia Militar – 21BPMI, capitão PM Elizardo Matos Lyrio.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

31 de agosto de 2020

Já está em casa

Leia mais

31 de agosto de 2020

Como fazer festa com distanciamento social

Leia mais

31 de agosto de 2020

BEM: Alguns trabalhadores terão que devolver o auxílio, saiba como será a devolução

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC