Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

21 de novembro de 2018

Associação Zabelê

Projeto de Cubatão é finalista do 13º prêmio Itaú-Unicef

Ação é desenvolvida em parceria com a Prefeitura de Cubatão e a UME Padre Manoel da Nóbrega

O Projeto Maraca Tu Maraca Eu, da Associação Sociocultural e Educacional Zabelê, é um dos finalistas da 13ª edição do Prêmio Itaú-Unicef na categoria Parceria em Ação – realizado obrigatoriamente pela parceria entre organização da sociedade civil e escola pública.

A premiação tem como objetivo valorizar ações de formação integral e de garantia dos direitos de crianças, adolescentes e jovens, com mais de 3.500 inscrições por todo o Brasil. Os inscritos passaram por um processo rígido de seleção, composto por análise documental, entrevista via telefone e visita técnica, realizados pelo Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec), uma organização da sociedade civil.

O resultado será divulgado no dia 27. “Ao passar por duas etapas, já nos sentimentos vencedores, pois transformamos vidas por meio da cultura de paz”, declarou o presidente da Associação Zabelê, Marcos Tuim.

O projeto consiste em oficinas de tradições populares, como maracatu e jongo, grafite, artesanato, além de vídeo e fotografia, que abordam temas como identidade, resgate de memórias e diversidade cultural, com duas turmas de 40 alunos cada, no contraturno escolar, realizado na UME Padre Manoel da Nóbrega (Jardim Casqueiro). Os demais alunos da unidade, cerca de 1.500, do 4º ao 9º ano, também recebem oficinas no período de aula.

“Eles aprendem a tocar, dançar, criar seus figurinos e cenários, mas, acima de tudo, aprendem a vivenciar ações coletivas, capazes de interferir positivamente nas relações interpessoais e comportamentais”, declarou a coordenadora do projeto, Juliana Clabunde.

Desenvolvido desde 2014, vem apresentando resultados positivos em suas atividades. “Além da ampliação do repertório cultural dos participantes, os alunos melhoraram seu rendimento em sala de aula, demonstram gostar de estar no espaço escolar e de aprender, agora têm objetivos e se sentem parte de uma comunidade”, disse a diretora da unidade, Fabiana Freitas.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

21 de novembro de 2018

APRESENTAÇÃO

Leia mais

21 de novembro de 2018

MELHOR ATENDIMENTO

Leia mais

21 de novembro de 2018

NOVA MORADIA

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.