Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

DINO

05 de dezembro de 2022

Copa e confraternizações aquecem setor de bares e restaurantes no Brasil

 | Jornal Acontece

A Copa do Mundo 2022 que acontece no Qatar é motivo de otimismo para bares e restaurantes. Esses estabelecimentos devem ter um aumento de pelo menos 30% na demanda durante as partidas do mundial, de acordo com estimativa da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel). A entidade acredita que a realização do evento em novembro contribui com o aumento da clientela, como as temperaturas mais quentes do que no mês de julho, a liberação do 13º salário e os horários dos jogos no período da tarde.

A pesquisa da Abrasel aponta que dentre os cerca de 1,7 mil estabelecimentos associados à entidade, 45% dos restaurantes vão transmitir os jogos e um terço deles informou que vai criar pratos temáticos sobre a Copa do Mundo. E, além do campeonato de futebol, as confraternizações de final do ano também são outro motivo que aumenta o movimento do setor no mês de dezembro.

E como fica a tributação dos produtos e serviços comercializados no segmento de gastronomia e entretenimento?

No âmbito estadual, as empresas arcam com a tributação do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para a comercialização de lanches e refeições. Já para as bebidas alcóolicas as alíquotas de ICMS variam de 18% a 29% – esses produtos são classificados como não essenciais, com percentuais que não são tão favorecidos, e possuem cobrança de substituição tributária por parte do fabricante.

Vale salientar ainda que, em alguns estados, como Amazonas, Maranhão, Paraná e São Paulo, há benefícios fiscais para restaurantes e estabelecimentos similares, previstos em convênios de âmbito nacional. Dessa forma, a carga tributária possui uma redução de 30% na base de cálculo do ICMS para o fornecimento de refeições, exceto o fornecimento de bebidas.

Segundo Elisabete Ranciaro, Diretora da Consultoria Fiscal e Comex da Econet Editora, a gorjeta atualmente não contempla a base de cálculo do ICMS, desde que limitada a 10% do valor da conta. “Essa gratificação não possui encargos graças ao Convênio ICMS n° 125/2011, que exclui a tributação da gorjeta em bares, restaurantes, hotéis e estabelecimentos similares”, afirma a diretora.

Ela explica ainda que, no caso de apresentações musicais, o estabelecimento poderá cobrar valores de entrada, conhecidos como couvert artístico, e terá a incidência do ISS (Imposto Sobre Serviços), com alíquotas que variam de 2% a 5%, conforme a legislação dos mais de 6.500 municípios brasileiros.

Tributos federais

Assim como ocorre com os impostos municipais e estaduais, os impostos federais são repassados para os contribuintes e correspondem, em média, a 4% da conta – dependendo do regime tributário do estabelecimento. Essa tributação é relativa ao PIS (Programa de Integração Social), COFINS (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social), IRPJ (Imposto de Renda Pessoa Jurídica) e CSLL (Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido).

Na volta do Catar

Além disso, temos no âmbito do Comércio Exterior, orientações aos viajantes brasileiros que foram até o Catar para assistir à Copa pessoalmente. O passageiro que chega do exterior poderá trazer consigo mercadorias no valor de até US $1.000,00 isento de tributação, conforme previsto no artigo 7°, inciso III, alínea a da Portaria MF n° 440/2010.

As mercadorias adquiridas que excederem o valor limite de isenção estarão sujeitas ao Regime de Tributação Especial (RTE), de acordo com o artigo 41 da Instrução normativa RFB n° 1.059/2010.

Os bens enquadrados no RTE terão a aplicação de 50% do Imposto de Importação sobre o valor excedente. Para a declaração destes itens, o passageiro deverá preencher pela internet a Declaração Eletrônica de Bens do Viajante (e-DBV) à Receita Federal do Brasil no desembarque.

E em relação à área Trabalhista, o que muda?

A gorjeta do garçom não é obrigatória por lei federal, mas pode estar estabelecida em norma coletiva, sendo que alguns estabelecimentos incluem automaticamente uma taxa na conta – geralmente 10% ou mais – em razão dos serviços prestados. 

Marta Mazza, Diretora da Consultoria Trabalhista e Previdenciária da Econet Editora, enfatiza que esse valor acrescido na conta é dado de forma espontânea e é importante para a categoria. “Geralmente, esses profissionais recebem um salário-base baixo e melhoram sua remuneração com as gorjetas. Além disso, esse valor integra a remuneração para fins de férias, 13º salário e FGTS [Fundo de Garantia do Tempo de Serviço]. Para fins de incidência tributária, a gratificação tem incidência de INSS [Instituto Nacional do Seguro Social] e imposto de renda”, relata.

Com o aumento do movimento em decorrência da Copa do Mundo e das confraternizações de final de ano, bares e restaurantes poderão contratar novos empregados e utilizar mão de obra fornecida pelas empresas de trabalho temporário ou trabalhadores intermitentes. “Além disso, com os empregados já contratados, poderá ajustar-se às horas extraordinárias, no limite de duas horas a mais por dia. Contudo, é fundamental sempre verificar as normas coletivas da categoria”, alerta a diretora da Econet.

Consumo de bebidas alcoólicas durante o expediente

Alguns colaboradores terão que voltar ao serviço após a pausa para o jogo. E o que acontece se eles consumirem bebidas alcoólicas?

Marta Mazza explica que se não estiverem sóbrios e dependendo das atitudes do funcionário no ambiente de trabalho, a empresa poderá aplicar advertência, suspensão e até demissão por justa causa em casos mais graves. “O colaborador não pode se apresentar embriagado em serviço! Contudo, o empregador deve analisar caso a caso e sempre ter bom senso na aplicação das penalidades, sob pena de reversão da justa causa aplicada”, finaliza. 

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

05 de dezembro de 2022

Evento de ESG terá mudanças climáticas como tema central

Leia mais

05 de dezembro de 2022

Produtos sustentáveis atraem 81% dos brasileiros, diz estudo

Leia mais

05 de dezembro de 2022

Dia Internacional da Biodiversidade é comemorado em 22 de maio

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.