Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

Jornal Acontece

23 de dezembro de 2020

Baixada Santista fechará praias na virada de ano

 | Jornal Acontece

As praias da Baixada Santista estarão fechadas nos dias 31 deste mês e 1º de janeiro. A medida foi tomada nesta quarta-feira (23) pelos prefeitos da Região, que solicitarão apoio da Polícia Militar para a medida. O objetivo é desestimular a vinda de turistas, evitando aglomerações de pessoas e um aumento dos contágios pelo novo coronavírus.

A decisão ocorreu durante reunião do Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista (Condesb), que descartou também a adesão das cidades à fase vermelha do Plano São Paulo nos dias 25, 26, e 27 de dezembro e 1º, 2 e 3 de janeiro. A razão é a falta de tempo para as prefeituras adequarem equipes e estruturas ao cumprimento de regras mais rígidas, já que o anúncio do governo estadual ocorreu somente última terça-feira (22).

“Essas medidas foram comunicadas sem que houvesse possibilidade de planejamento para a administração pública preparar a fiscalização. Precisamos de organização, o que seria impossível nesse tempo tão curto. Assim, a capacidade de fiscalização dos municípios fica comprometida”, explica o prefeito de Santos e presidente do Condesb, Paulo Alexandre Barbosa, lembrando que a ideia é, também, evitar impactos negativos à economia local. “Empresas e comércios já tinham estoques e funcionários contratados”.

PREVENÇÃO MANTIDA

Com as cidades na fase amarela, seguem mantidas as normas que determinam funcionamento do comércio limitado a 12 horas diárias e a 40% da capacidade de público, com distanciamento entre as pessoas, aferição de temperatura corporal e disponibilização de álcool em gel para funcionários e consumidores. Na fase vermelha, somente serviços considerados essenciais poderiam manter o atendimento.

O descumprimento das regras pelos estabelecimentos resulta em intimação pela Secretaria de Finanças (Sefin), podendo acarretar multa de R$ 10 mil, dobrada em caso de reincidência, com interdição do local. A fiscalização conta com apoios da Guarda Civil Municipal (GCM), que recebe denúncias pelo telefone 153, e da Polícia Militar.

TURISMO

Para inibir a vinda de pessoas de outras regiões à Baixada Santista, os prefeitos ainda decidiram pela proibição de vans e ônibus de turismo e a montagem de barreiras sanitárias nas entradas das cidades. Neste sentido, também será solicitado à Artesp que seja cancelada a “operação descida” no Sistema Anchieta imigrantes (SAI) durante os períodos de festas. Outro pedido é que o governo estadual produza um vídeo institucional para desestímulo a viagens neste fim de ano.

CONVÊNIOS

O Condesb também cobra do Estado a renovação automática, a partir de 1º de janeiro, dos convênios firmados com os municípios para manutenção de leitos para tratamento de covid-19. O pedido já havia sido feito no mês de novembro.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

23 de dezembro de 2020

Preso homem que estuprou filha de 11 anos

Leia mais

23 de dezembro de 2020

Espetáculo sobre Anita Malfatti circulará pela Baixada Santista

Leia mais

23 de dezembro de 2020

260 mil veículos devem descer durante o feriado

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.