Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

16 de dezembro de 2021

Consulte acervo da Biblioteca de Cubatão sem sair de casa

 | Jornal Acontece
Mil exemplares já estão digitalizados no BibLivre
 
 

O acervo da Biblioteca Municipal de Cubatão agora conta com versão digital. Sem sair de casa ou do trabalho, o leitor pode consultar se o livro de seu interesse faz parte do acervo e está disponível para empréstimo. A cerimônia de lançamento do novo serviço ocorreu na manhã desta quarta-feira (15), no prédio histórico da Biblioteca na Av. Nove de Abril, 1.977, Centro.

 

A chefe da Divisão de Biblioteca e Arquivo Histórico, Patrícia Mussi, informou que o processo de digitalização teve início em setembro último, com custo zero para o Município. Para isso foi utilizado o sistema Biblioteca Livre (BibLivre), aplicativo que facilita a inclusão digital do cidadão. O sistema já é utilizado por milhares de bibliotecas no Brasil e no exterior.

 

“O munícipe tem a comodidade de acessar nosso acervo e até reservar o exemplar”, anunciou Patrícia, acrescentando que a biblioteca empresta livros pelo prazo de 15 dias. Para aqueles que não contam com cadastro, basta a apresentação de um documento de identidade e comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone) no momento da retirada. A biblioteca funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

 

O analista de sistemas da Prefeitura, Carlos Nabeto, informou que atualmente cerca de mil exemplares já estão catalogados na plataforma. Ainda não há uma previsão sobre quando os 19 mil exemplares estarão disponíveis para consulta digital. Ele explicou que a identificação dos volumes agora é feita por código de barras, o que facilita o processo de empréstimo e recebimento dos exemplares, eliminando a burocracia de fichas em papel.

 

O acesso à biblioteca, de forma digital, pode ser feito pelo link: http://biblioteca.cubatao.sp.gov.br.

 

História – O prédio da Biblioteca Municipal foi inaugurado em 1936, com a função original de ser sede da primeira escola estadual do então distrito de Santos, o Grupo Escolar Júlio Conceição.

 

De 1962 a 1970, a edificação se tornou sede da Prefeitura Municipal de Cubatão. Nessa época, a planta original passou por diversas modificações, incluindo a construção de mais um pavimento, além da redução do recuo frontal.

 

De 1975 a 1979 ganhou um prédio anexo na parte posterior do lote, usado pelo Conservatório Municipal de 1976 a 1978. Hoje o espaço é ocupado pelo Arquivo Histórico Municipal e o Serviço de Som.

 

Desde 1981, o prédio abriga a Biblioteca Municipal de Cubatão. Por seu interesse histórico, arquitetônico e cultural, foi tombado como Patrimônio Cultural da Municipalidade em 2007.

 

Composta pela unidade central e duas sucursais, no Jardim Anchieta e Vila Nova, a biblioteca oferece ainda gibiteca, hemeroteca, sala de leitura, sala “Afonso Schmidt”, auditório e a sala “Monteiro Lobato”, voltada para o público infantil.

 

Fotos: Thiego Barbosa / Divulgação PMC
Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

16 de dezembro de 2021

Cubatão amplia vacinação infantil contra covid-19 a partir deste sábado

Leia mais

16 de dezembro de 2021

Camp reconduz diretoria por mais três anos.

Leia mais

16 de dezembro de 2021

Começou a vacinação para crianças de 05 a 11 anos

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.