Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

09 de junho de 2017

Educação

Guarujá revela “suas histórias, suas memórias” por meio de projeto na rede escolar


Iniciativa é uma realização da Secretaria de Educação, através das coordenadorias de História e Artes

Conhecer sua cidade, seu local de origem através da sua história e da arte. Esse é o objetivo do Projeto “Guarujá: suas Histórias, suas Memórias”, que a Prefeitura desenvolve em 15 escolas de ensino fundamental II da rede municipal, até o final deste semestre. A iniciativa é da Secretaria de Educação.

Na Escola Municipal Dirce Valério Gracia (Jardim Tejereba), por exemplo, há uma exposição com fotos, desenhos e reproduções antigas que vão desde o mapa de Guarujá até o fusca do cantor Roberto Carlos. Todos os materiais remontam aos anos 60 e retratados numa versão psicodélica.

Ainda na unidade, os estudantes encenaram um festival de música fazendo uma verdadeira viagem a 1965, trazendo interpretações de Elis Regina, Jair Rodrigues, e de estrelas da Jovem Guarda como Ronnie Von e do Rei Roberto Carlos. Interpretando Elis Regina, a aluna Caren Maria dos Santos Maurício, 14 anos, falou que o evento foi de muito aprendizado. “Foi uma experiência bem divertida, já que a Elis foi uma cantora simpática e alegre, com a cara do nosso País”, contou.

O projeto na escola foi coordenado pelas professoras Rosa Maria Ferreira de Freitas e Monica Damasceno, sendo o festival escolar baseado no livro: “A Era dos Festivais: Uma Parábola” (já que Guarujá recebeu a primeira eliminatória do Festival de Música de 1965). Segundo explica a historiadora Monica, para esta apresentação musical, os alunos se inspiraram em vídeos de filhos dos grandes nomes da música popular brasileira (MPB) como Elis Regina e Jair Rodrigues. “Ao mostrar Maria Rita e Jairzinho, por exemplo, a nossa ideia é de sintonizar o ontem e o hoje aos nossos alunos”, relatou.

Para a coordenadora de História da Secretaria de Educação, Carla Vanessa de Oliveira Matos, o Projeto foi criado para “trazer o conhecimento e o saber por meio da arte. Para isso, os professores passaram por formação, selecionaram trabalhos, e 1.200 alunos foram contemplados com visitas ao Forte dos Andradas e Fortaleza da Barra.

Sobre o Projeto – Trata-se de um projeto interdisciplinar que visa promover o resgate das memórias históricas e da valorização da cultura de Guarujá, possibilitando a busca da identidade cidadã dos alunos da rede municipal como partícipes da sociedade de maneira atuante e crítica, que compreende o passado, e que colabora na construção do futuro.

Desenvolvido neste semestre envolvendo as disciplinas de História e Arte, podendo ainda, envolver outras áreas do conhecimento. No próximo dia 27, a Secretaria de Educação promove a apresentação de alguns dos trabalhos selecionados, no Teatro Procópio Ferreira, em comemoração ao aniversário da emancipação-política da Cidade (dia 30 de junho).

Programação das mostras nas escolas:

12/06 – EM Lucimara de Jesus Vicente e ENM Gladston Jafet
13/06 – EM Francisco Figueiredo
14/06 – EM Maria Aparecida Araújo
19/06 – EM Benedito Cláudio
20/06 – EM Lúcia Flora e EM Vereador Ary da Silva Souza
21/06 – EM Professora Maria Aparecida Ramos Camargo e EM Ivonete da Silva Câmara
22/06 – EM Benedicta Blac e EM 1º de Maio

As escolas Sérgio Pereira, Paulo Freire, Dirce Valério e Napoleão Laureano já realizaram o Projeto.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

09 de junho de 2017

Braskem apoia programa Emprega Mais em Cubatão

Leia mais

09 de junho de 2017

Lucro da Usiminas no terceiro trimestre é de R$ 1,8 bi

Leia mais

09 de junho de 2017

Unipar abre inscrições da 2ª Unipar Run Fábrica Aberta

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.