Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

27 de fevereiro de 2018

Encontro Regional

 | Jornal Acontece

Álvaro Dias faz peregrinação na Baixada

O senador paranaense e pré-candidato a presidência pelo Podemos Álvaro Dias esteve no último final de semana na Baixada Santista. Na sexta (23) durante o dia concedeu entrevistas e participou de reuniões em Santos. Já a noite, o senador participou do encontro regional da legenda, realizado no plenário da Câmara de Guarujá. Com a Casa de Leis lotada, Álvaro Dias falou sobre os planos do partido para as próximas eleições e abonou a ficha de filiação da ex-deputada Haifa Madi, candidata a prefeita do Guarujá nas últimas eleições. O senador teve ao seu lado a deputada federal e presidente nacional do Podemos, deputada federal Renata Abreu e diversos dirigentes do partido na Região, quando apresentou o plano de governo que será defendido pelo Partido nas eleições majoritárias e proporcionais deste ano.

Atualmente, o Podemos (ex PTN) conta com uma bancada no Congresso formada por 19 deputados federais e dois senadores – todos de oposição ao governo Michel Temer.

Em Cubatão

No sábado (24) foi a vez do presidenciável visitar Cubatão. O encontro aconteceu no restaurante Kalabalis, no Jardim Casqueiro. Álvaro Dias foi recebido pelo prefeito Ademário Oliveira (PSDB) e outras lideranças políticas da Cidade.

alvarodiasbaixada20180001

Na conversa, o senador pode conhecer um pouco mais da realidade do Município e também contou quais são os seus planos para a Baixada e para Cubatão e seguiu com a caravana em visita a outros municípios da região.

O senador

Ex-governador do Paraná entre 1987 e 1991, Álvaro Dias foi reeleito para o quarto mandato consecutivo ao Senado em 2014, com expressivos 77% dos votos válidos. Matéria recente publicada pela revisto IstoÉ aponta Dias com relevante potencial de crescimento nas pesquisas eleitorais.

Os dados registram a ascensão do senador entre eleitores tradicionalmente identificados com o PSDB, ou seja, um público de renda mais alta, maior escolaridade e concentrado nas regiões mais desenvolvidas do País.

Ex-tucano e com 43 anos na vida pública, varia entre 3% e 6% das intenções de voto de acordo com os diferentes cenários avaliados pelo Datafolha. Nos estados do Sul, porém, ele se aproxima de 20%, na média, com maior relevância no Paraná.

Pesa a favor de Álvaro Dias nunca ter tido seu nome envolvido em escândalos de corrupção. Aliás, é um dos poucos parlamentares que passaram ao largo da Lava Jato. Além disso, é o autor da PEC 333/2017, que limita o foro privilegiado. O texto restringe o foro, em caso de crime comum, apenas ao presidente e vice-presidente da República, e aos do STF, Câmara e Senado. Outras autoridades – como juízes, deputados e senadores – seriam julgados em primeira instância.

Para o senador, a prerrogativa de foro é um “privilégio odioso” para o caso de crime comum como peculato, corrupção passiva ou homicídio. “O foro privilegiado é uma excrescência, e estabelece uma contradição, uma incoerência, porque o artigo 5º da Constituição afirma que todos somos iguais perante a lei. O foro impõe a ideia de que algumas pessoas são superiores às demais. Como se houvesse uma casta especial de privilegiados. Isto precisa acabar”, defende o senador.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

27 de fevereiro de 2018

Bichectomia e saúde bucal: Entenda a relação entre elas

Leia mais

27 de fevereiro de 2018

Como se tornar um empreendedor imobiliário?

Leia mais

27 de fevereiro de 2018

Adolescentes de 13 e 14 anos podem ser vacinados a partir desta terça-feira (31)

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.