Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

Jornal Acontece

15 de maio de 2021

Falta da segunda dose de Coronavac preocupa vereadores

 | Jornal Acontece

Em reunião virtual, representantes das secretarias de Saúde das nove cidades da Baixada Santista elencaram os desafios do setor para o combate à pandemia

 

Nenhuma das nove cidades da Baixada Santista tem condições de ofertar a segunda dose da vacina Coronavac para a população prioritária. A informação foi passada pelos representantes das secretarias de Saúde dos municípios de Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, São Vicente e Santos, durante reunião virtual realizada pela União dos Vereadores da Baixada Santista (Uvebs) na manhã desta sexta-feira, dia 14.

 

De acordo com os técnicos de saúde, os municípios não têm previsão de quando haverá o envio de novas remessas da vacina por parte Governo do Estado. A situação é preocupante, pois acende o alerta quanto à efetividade da imunização, que tem intervalo recomendado de 28 dias. “Não há estudos sobre esse assunto, mas seria importante que o fabricante se manifestasse publicamente para tranquilizar a população”, ressaltou o presidente da Uvebs, Roberto Andrade e Silva, o Betinho (PSDB/Praia Grande).

 

Durante o encontro virtual, os profissionais relataram que, além da falta da segunda dose, há defasagem no recebimento dos imunizantes em cerca de 30% abaixo do necessário. Eles creditam a falta de vacinas ao cálculo populacional ultrapassado, com base no Censo do IBGE de 2010. Desde então, as cidades tiveram o número de moradores majorado. Um exemplo é Praia Grande, que em 2010 apresentava população de 260 mil habitantes e atualmente conta com a estimativa de 350 mil moradores. “Além disso, há a questão do home office. Com a possibilidade de trabalhar de qualquer lugar, muitas pessoas optaram por fixar residência no litoral”, comentou a vice-presidente da Uvebs, vereadora Audrey Kleys (Progressistas/Santos).

 

Diante do cenário apresentado, Uvebs se colocou como parceira e irá cobrar os pontos relatados pelos representantes da Saúde nos municípios, por meio de ofício às autoridades competentes a nível estadual. “Sabemos que os municípios estão se esforçando ao máximo durante este combate à pandemia. Um exemplo disso é o emprego do Orçamento Municipal, que muitas vezes passa de 23%, quando a previsão constitucional é de 15% de investimento em Saúde”, lembrou Betinho.

 

O colegiado também vai encabeçar a articulação para uma campanha metropolitana de conscientização sobre as medidas preventivas, como uso de máscara e distanciamento social, com a intenção de manter baixos os índices de contaminação por COVID-19.

 

O próximo passo é ainda um encontro virtual da diretoria da Uvebs com os representantes das Associações Comerciais e Empresariais (Aces) e as Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDLs) das cidades para apoiarem esta conscientização. “Nosso foco é a retomada econômica segura. Por isso, é importante este entendimento e o apoio deste setor”, finalizou o presidente da Uvebs. 

 

UVEBS

Criada em 2010 para congregar os vereadores das nove cidades da Baixada Santista — Bertioga, Cubatão, Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Praia Grande, Peruíbe, Santos, São Vicente — a União dos Vereadores da Baixada Santista (Uvebs) representa os 136 vereadores, que atuam pela Região — localizada no Litoral de São Paulo — com mais de 1,8 milhão de habitantes.

O grupo visa fortalecer os municípios de forma metropolitana e trazer soluções a questões comuns às cidades, por meio de interlocução política, inclusive com outros entes dos poderes Estadual e Federal.
 

 

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

15 de maio de 2021

Shopping recebe oficina da 'Ação do Coração'

Leia mais

15 de maio de 2021

São Vicente lança Festival Gastronômico

Leia mais

15 de maio de 2021

1ª Feira Canábica do Litoral Paulista com palestras de especialistas, exposições e shows

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.