Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

09 de setembro de 2019

Caminho do Mar

Ecocaminhada em Cubatão: um passeio pela história do Brasil

3ª Ecocaminhada da Independência reuniu 200 pessoas que percorreram mais de oito quilômetros pelo Caminho do Mar

A princípio, as curvas parecem assustar quem encara pela primeira vez uma caminhada de pouco mais de oito quilômetros (subida e descida) pelo Caminho do Mar, também conhecido como Estrada Velha de Santos. Contudo a natureza e a vista da Baixada Santista, mesmo que turva pela neblina, compensam. O caminho faz parte da 3ª Ecocaminhada da Independência, promovida pela Secretaria Municipal de Turismo. A atividade, realizada em comemoração ao dia da Independência do Brasil, contou com a participação de 200 pessoas e aconteceu na manhã de domingo (9).

O ponto de partida é na Refinaria Presidente Bernardes. No trajeto, na Serra do Mar, os participantes, além do contato com a Mata Atlântica, passam por dois importantes monumentos históricos construídos na década de 1920 em homenagem ao centenário da Independência do Brasil. O primeiro é o Padrão de Lorena, em alusão à calçada do Lorena, a primeira estrada pavimentada que ligava a capital ao litoral (construídas em 1792). Mais adiante, os caminhantes acessam o Rancho da Maioridade, ponto de descanso e reabastecimento que remete à Estrada da Maioridade, construída entre 1841 e 1846. No rancho, ponto final do passeio, tem-se uma vista privilegiada da região, até com neblina, graças ao mirante construído ali. O retorno é feito pelo mesmo caminho,

Apesar das curvas íngremes, é possível encarar o passeio mesmo sendo principiante. “Foi a primeira vez que participei e já quero indicar para outras pessoas. Não vejo a hora de voltar aqui”, comentou o mecânico Reginaldo Paz.

Já para o bombeiro aposentado Rosival Santa Cruz, foi a oportunidade de reviver a infância. “Vinha para cá desde menino e foi no Caminho do Mar que comecei a correr”, disse. Rosival e Reginaldo fazem parte da ONG Empresto Minhas Pernas, projeto inclusivo em que corredores participam de provas e atividades levando cadeirantes. “Queremos trazê-los aqui na próxima vez”, acrescentou Reginaldo.

“A Ecocaminhada é um importante evento para a cidade, pois por meio dela o turismo cresce em Cubatão, que já é MIT – Município de Interesse Turístico. São 200 pessoas por edição fotografando e compartilhando imagens que são um dos belos cartões postais do Brasil. Além disso, faz com que os próprios cubatenses se apropriem deste bem; a história do Brasil passa por aqui”, declarou o secretário de Turismo Antônio Martins Ribeiro.

“A caminhada é bastante concorrida e sempre um sucesso. Portanto, para o próximo ano, temos planos para firmar uma parceria com o Instituto Florestal, responsável pela área, para que possamos realizar mais vezes ao longo do ano”, adiantou.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

09 de setembro de 2019

Atividades Econômicas - Protocolo para reabertura

Leia mais

09 de setembro de 2019

Vagas FSFX

Leia mais

09 de setembro de 2019

Eleição este ano

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.