Fale com a gente

|

Tempo

Compra: R$

Venda: R$

18 de março de 2019

mulheres cubatense

“Mulheres maravilhosas” movimentou Cubatão

Idealizado pelo Conselho Municipal da Condição Feminina, contou com programação durante todo o dia

O Centro de Referência da Mulher de Cubatão (CRM), no Jardim Costa e Silva, voltou a ficar movimentado nesta sexta-feira (15) com uma programação voltada para a mulher cubatense. Intitulado “Mulheres Maravilhosas” e idealizado pelo Conselho Municipal da Condição Feminina (CMCF), contou com esporte, saúde, troca de idéias, apresentações musicais e muitas homenagens.

O dia teve início com alongamento e zumba, na área lateral do CRM, com as aulas dos professores Suzana Rossi e Roberto Monteiro. Depois, o pessoal da Capoeira Brasil-Suíça apresentou um pouco do trabalho realizado em diversos bairros da cidade.

A manhã também foi marcada pela inauguração da sala do Conselho da Condição Feminina. O local foi reformado, recebeu pintura e frases de apoio como “Mulheres em movimento mudam o mundo”, “Aproveite o dia ou morra lamentando o tempo perdido”. A presidente do Conselho, Cristina Oliveira, cortou a fita inaugural acompanhada por outras conselheiras e também por Genilde Spina, ex-presidente do CMCF.

“Depois de seis anos, as mulheres da cidade voltam a contar com o Conselho Municipal que tem o objetivo de propor políticas públicas e fiscalizar o que está sendo feito para o bem estar da mulher cubatense. É muito bom ver esse local movimentado, cheio de mulheres empoderadas. Nossas portas sempre estarão abertas para a comunidade”, afirmou Cristina.

Também foi realizado o lançamento oficial do Projeto PLP- Promotoras Legais Populares que é um curso que promove acesso das mulheres e seus direitos e à justiça, descrito rapidamente pela conselheira e membro da Ordem dos Advogados do Brasil, Paula Ravanelli.

Várias autoridades participaram do evento: Mayla Hadid, titular da Delegacia da Mulher de Cubatão; Andréa Castro, secretária de Habitação; e Andréa Pinheiro, secretária de Saúde. Pinheiro afirmou ser uma vitória ver o CRM novamente movimentado. “Cuidar de cada mulher da nossa comunidade é cuidar da nossa cidade. Estamos muito felizes em celebrar o mês da mulher com tantas atividades espalhadas por todo o município”, afirmou.

O Legislativo também esteve representado com os vereadores Ivan Hildebrando e Érika Verçosa que fez questão de deixar seu recado: “É impossível a gente acompanhar o que tem acontecido com as mulheres em nosso país e ficarmos caladas. É a vez da mulher”, disse a vereadora, única representante do gênero na Câmara Municipal.

O Coral dos Servidores Municipais de Cubatão, com regência de Nailse Machado, se apresentou, levando canções que ressaltaram a luta das mulheres por igualdade. O grupo Somente Ellas também levou música de qualidade, da MPB, agitando a manhã.

Homenagens – O dia foi dedicado à luta das mulheres por espaço na sociedade. E por isso, o Conselho homenageou importantes profissionais, donas de casa, aposentadas que atuam no município. Cubatenses de nascença ou de coração, as seguintes mulheres foram homenageadas com fotos e uma breve história de suas vidas em varal: Adriana Ribeiro, Ângela Maria Oliveira de Andrade, Elisabeth Silva de Góes Leal, Maria de Fátima Vieira Campos, Maria Helena Carneiro de Aguiar Fonseca, Meire Queli, Miriam Santos de Freitas, Nailse Machado, Neusa Catira (in memorian), Sara Pereira de Souza Reis, Suzana Maria Rossi, Thaisa Araújo, Silvana Silva dos Passos e Kamylla de Almeida Santos.

A manhã terminou com bate-papo sobre Saúde da Mulher com a psicóloga Denise dos Santos e atendimento de prevenção a doenças como HIV, dengue febre amarela, aferição de pressão arterial e exame de dextro coordenados por estagiários da Escola de Enfermagem Cien.

Roda de conversa e tarde da beleza – Durante a tarde, o evento contou com roda de conversa com Mães de Crianças Especiais comandada por Débora Braz, neuropsicopedagoga e especialista Educação Inclusiva, e Gabriela Vargas, psicóloga. Também teve exposição de artesanato e bijuteria de vendedoras locais e das meninas do Sarau Mic promovido pelo IFSP – Instituto Federal São Paulo.

As mulheres puderam cortar cabelo, fazer escova e maquiagem com o pessoal da Escola Embelleze, A Cara do Brasil, Mary Kay e Salão Equipe II. A programação terminou com outro bate-papo, desta vez sobre Igualdade Racial e Diversidade de Gênero com os militantes Larissa Oliveira e Klaus Silvestre. À noite, o encerramento será com música do Forró Sanfonado e Banda Conexão.

Publicidade
Publicidade
NOTÍCIAS RELACIONADAS

18 de março de 2019

Novo coronavírus

Leia mais

18 de março de 2019

Combate a Dengue

Leia mais

18 de março de 2019

Expediente em Cubatão

Leia mais
Publicidade
Publicidade
Desenvolvido por KBRTEC

Este site usa cookies para personalizar conteúdo e analisar o tráfego do site. Conheça a nossa Política de Cookies e os nossos Termos de Uso.